Receba dicas grátis!

Efeitos psicológicos que o desemprego pode causar

Quando o profissional passa por uma situação de demissão, é necessário atenção e alguns cuidados. Este momento vai além das perdas materiais advindos do desemprego, e trazem sentimentos que precisam de cuidados.

Estudos nos apontam para os impactos negativos da demissão como: a perda de identidade, isolamento social, inatividade, crises de pânico, baixa autoestima, dentre outros. Tudo isso, pode trazer ao profissional dificuldades para encontrar uma nova rotina e um novo emprego. Por isso, o acompanhamento com profissionais capacitados faz toda a diferença, além do apoio familiar e de amigos.

A demissão está associada aos dois maiores medos do ser humano: o do fracasso e o medo da rejeição. Por isso é um processo delicado e os impactos podem ser maiores do que se imagina quando não há o apoio necessário para supera-lo.

O que fazer?

Toda transição causa estranhamento, e ainda quando esta é inesperada, ocorre imensa frustração. O primeiro passo é compreender e analisar tudo o que passou e todos os sentimentos que surgiram, neste momento é importante não perder contatos, converse com amigos e ocupe seu tempo sendo produtivo.

Trace novos objetivos a fim de atualizar seu currículo e conhecer diferentes contatos, cursos, participação em palestras e momentos de networking podem fazer toda a diferença neste momento.

Não deixe que a ansiedade e o medo dominem seus pensamentos, profissionais capacitados no mercado podem te orientar na busca por uma nova oportunidade de trabalho e, também, trabalhar seu perfil profissional valorizando seus pontos fortes e melhorando aqueles que não te favorecem. Tenha em mente que você não está sozinho, atribua um significado positivo para esta experiência.

Adicionar comentário